O DEPUTADO

 Trajetória

Kennedy Nunes nasceu em Joinville no dia 16  de janeiro de 1970, na Maternidade Darci Vargas. É casado com Sigiane desde 13 de junho de 1992 e pai de Sigian e Rhuan. Filho de Claribalte Nunes e Zenaide Francisco Nunes, ambos missionários, Kennedy cresceu num  ambiente alegre e, apesar da luta diária, seus pais tiveram tempo e sabedoria para ensiná-lo a  seguir em frente na busca por seus objetivos. Caçula de quatro filhos,  Kennedy, desde cedo, mostrou interesse por causas comunitárias e,  posteriormente, pela política.

 

Aos 18 anos, começou sua vida pública, concorrendo a uma vaga no poder legislativo joinvilense. Para  isso, teve que pedir uma autorização em Brasília, pois ainda não havia chegado à maioridade na época da inscrição das candidaturas.

Em 1998, assumiu o cargo de vereador e, em 2001, foi reeleito. Em 2004, concorreu a prefeito de Joinville, obtendo 44.413  votos. Em 2006, foi eleito Deputado Estadual com 35.524 votos e em 2010 reeleito com 55.531 votos conquistados em 285 municípios de Santa Catarina.

Também exerceu o cargo de Secretário do Desenvolvimento Comunitário de  Joinville, entre o final de 1994 e abril de 1996; e de Sub-delegado do Trabalho do norte catarinense, de 1997 a 1998. Jornalista diplomado em 2004, Kennedy também já apresentou programas de rádio e TV.

Na ALESC foi responsável pela criação da Comissão de Proteção Civil em 2011, presidindo-a até o final de 2012. Atualmente compõe  a Mesa Diretora, ocupando o cargo de Primeiro Secretário.

Mandato

 

Antes deputado de oposição, Kennedy enfrentou fortes barreiras na aprovação de projetos, no entanto, com apoio popular, conseguiu abrir importantes debates e fazer valer a pertinência de seus projetos, como o que acrescenta à identidade o tipo sanguíneo do portador, o que pode salvar muitas vidas em casos de emergências onde uma transfusão se faça necessária.

Kennedy também lutou e conseguiu restaurar as Regiões Metropolitanas em Santa Catarina.

Além dessas lutas, Kennedy conquistou vitórias na luta contra a Pedofilia, contra as altas tarifas do governo e na defesa do consumidor, aprovando, por exemplo, a lei que dá liberdade ao segurado de escolher a oficina para consertar seu carro sinistrado.

O atual mandato do Deputado Kennedy está diferente do primeiro por fazer parte, agora, da base aliada. As atividades se multiplicaram e as viagens também.

Além das viagens à Suíça e à China para tratar de assuntos da Defesa Civil, Kennedy viajou ao Uruguai, Brasília e Piracicaba de onde trouxe novas ideias e projetos para o estado, além de corroborar com a integração do comércio internacional e a vida de investimentos para o estado. Também esteve em Paris para um seminário sobre Transporte Público, e no Japão e Coreia do Sul, participando de encontros com setores públicos e privados a fim de abrir mercado para produtos do estado, bem como investimentos.