POR UMA CONVIVÊNCIA HARMONIOSA.

Os membros da Comissão de Segurança da Assembleia Legislativa de Santa Catarina, Darci de Matos (DEM), Valdir Cobalchini (PMDB), Reno Caramori (__), Nilso Gonçalves (PSDB) e Kennedy Nunes (PP) visitaram o Tribunal de Justiça na manhã desta terça-feira. No Gabinete do presidente do Tribunal, o desembargador José Trindade dos Santos, discutiram sobre a polêmcia instalada entre bombeiros militares e voluntários, em cidades como Caçador, Concórdia, Jaraguá do Sul e Joinville. “Pedimos que o TJ não julgue as ações que estão lá discutindo a legalidade dos bombeiros não militares, já que estamos tratando do assunto para achar um meio legal para isso”, comentou o deputado Kennedy.

Segundo os deputados, é possível estabelecer uma convivência pacífica entre as instituições, além disso,  há mais de 100 cidades em Santa Catarina que não contam com serviço dos bombeiros militares.

A Comissão trabalha agora na preparação de uma emenda à Constituição Estadual para regularizar a situação da melhor maneira possível.

Your Turn To Talk

O seu endereço de email não será publicado